Change to English or other language

Monday, February 05, 2007

Amor ao Kilo?... Não Obrigada!

Diabinhos, Anjinhos, Ursinhos de todos os tamanhos, Corações vermelhos, com pernas e braços que deitam uns sons esquisitos cá para fora, postais com as mesmas frases feitas de sempre... "I Love You", "You're Very Special", "Be My Valentine", "For a Very Special One", etc, etc, etc! AARRRRRRRGHHHGHG!!!

Podia ser a Batalha de Aljubarrota, a Invasão da Normandia, ou até mesmo o Caminho das Estrelas, mas não... Como se já não bastasse a FloriBella, ainda temos a fatídica Invasão de 14 de Fevereiro, o dia do grande Valentim que, coitado, era um bon vivant, e agora começa a recolher alguns ódios por parte algumas Almas desesperadas que já não suportam tanta bonecada, tanto barulho, ofertas e promoções às resmas, tudo... em prol do Amor.

Tal como Miss Turner (a Tina), também eu me questiono... "What's Love Got to Do With It"? Pois, não sei...
Apenas observo a loucura à minha volta.

O dia começa com Eles, de todas as espécies, com um ar meio embaraçado empunhando um bouquet de flores nas mãos. Presumo que naturais, senão, vão estar em sarilhos.
Mas a hora de almoço, é uma das melhores partes do dia!
É vê-los numa correria às Floristas, porque se impõe a oferta de flores, claro...
- "Não sei bem, deve gostar de Rosas... e essas aí, às cores? Acha que ela vai gostar?? Sim? Dê-me quatro. Vai fazer um Bu quê?? Ah, sim, eu espero."


Chocolates, também é uma das hipóteses. Conservadora, nos dias de hoje, mas... assegura que não se esqueceu. Mesmo que saiba que Ela não vai querer tocar neles, para não deitar a perder a Dieta que anda sempre a tentar iniciar!

Os ursinhos, já enjoam. Além de que, com o passar dos anos (sim, porque ainda há uma ou outra relação que dura mais de 1 ano ou 2!) a colecção de Ursinhos está completa, e por isso... há que diversificar: Anjinhos, Diabinhos, e ainda... Corações gigantes com braços e pernitas, que grunham umas coisas, saidas de umas pilhas Chinesas!

Os relógios e as jóias podem ser outra alternativa, e para isso vamos ser pragmáticos: o que é bonito, é caro, por isso, desde que haja budget, é fácil e não se perde muito tempo! Atenção aos relógios... Não vá Ela pensar que lhe está a querer dizer "algo" em relação ao Tempo que ela demora a arranjar-se para sair de casa, etc...

Para os mais endinheirados, e sem muito tempo a perder, a Internet assegura pacotes de fim-de-semana a dois, com programas especiais em SPA's, jantares românticos e intimistas, massagens com óleos e muitas outras fantasias afrodisíacas... Ela vai gostar, de certeza, e não dá muito trabalho. A agência trata de tudo, e até é um bom motivo para sair de Lisboa e arredores, no fim-de-semana...

Elas também têm as suas ofertas tradicionais: o ursinho, postais, as bolas de espuma para um banho a dois, um perfume, um relógio... e o jantar a dois nem se discute! É obrigatório!

E assim, chegamos à melhor fase do dia... neste caso, a noite!

Restaurantes apinhados de casalinhos. Os que fizeram reserva, e os que não fizeram reserva. Os segundos, a iniciar uma discussãozinha. Os primeiros, numa fase de troca de palavras, olhares directos... para o menú, e uma troca de mimos, com as mãos entrelaçadas, enquanto esperam pelas bebidas.

Mas em muitas mesas, o casal é uma forma esbatida de dois seres amorfos, que se encontram para jantar e trocar umas prendas... just because... it's Valentine's! Há jantar, mas falta Magia. Há prendas, mas falta carinho e fusão... Há conversa, mas pouco do que é dito, se sente.

No dia seguite é imperativo comentar no emprego, qual o restaurante "in" onde se foi jantar e a prenda especial que se recebeu...

Bolas... tanta correria para quê? Para seguir a "Carneirada"? Quando se Gosta, há paixão e surpresas durante semanas, meses, e não é preciso esperar pelo 14 de Fevereiro! Também não é preciso gastar rios de dinheiro para se mostrar o quanto se deseja o outro, e partihar o que se sente. Em pequenos gestos, tantas vezes esquecidos, adormecidos, subterrados, pelo caos da agitação diária, e da facilidade com que se deixa a Rotina instalar!

Amor plastificado ao Kilo? Não, obrigada! Amor, mas Genuíno e sabiamente Vivido... anytime, anyplace, and often!

2 comments:

Yasmin said...

Surreal! :D Teste, teste!

M.João said...

Sou uma das almas desesperadas! já não suporto tanta promoção, tanta histeria, tanto ursinho...amor, sim e aos Kilos mas todos os dias!
bjs mjr
Maria João Almeida Rocha

Stress and the City, no YouTube

Loading...

Countries & Cities Where I've Been.