Change to English or other language

Monday, October 04, 2010

If you Can't Hunt with a Dog, Hunt With... Online Pet Dating!

Que o Online Dating é uma realidade, não é novidade.
Quer seja de uma forma organizada e by the book através de sites específicos para o efeito, quer seja através das redes sociais - que têm servido de mote a muitas traições e divórcios, mas também encontro e reencontro de almas gémeas - o online dating e os programas de speed dating vieram para ficar em Sociedades onde cada vez mais habita o paradoxo de vivermos na era da Aldeia Global mas em simultâneo sentirmos que estamos cada vez mais sós tendo como desculpas a tradicional falta de "tempo", falta de vontade/inércia ou até nem saber como fazer para encontrar novas pessoas - amigos ou um/a companheiro/a.

Confesso que fiquei surpreendida quando, ao pesquisar uns artigos para umas aulas que estou a preparar, me deparo com um link lateral sobre Online Dating. Mas não apenas "mais um site" de Online Dating. Eu que achava que já tinha visto quase tudo, não pude deixar de dar umas gargalhadas quando cliquei no link e segui até ao dito site!

Se tem um Cão, um Gato, um Hamster ou até um Cavalo - acho que se esqueceram dos Coelhos! - então, já não tem desculpa para não travar novos conhecimentos e, quem sabe, encontrar a sua Animal... ooops... Alma Gémea!
Sim, é verdade e eu confirmei: são sites de PetDating que juntam o útil ao agradável: procurar um parceiro para o animal de estimação - qui çá - para procriar com uma raça pura e, ao mesmo tempo, conseguir também o melhor match dos respectivos donos!
Confesso que, por instantes, a minha mente sórdida pensou que se tratava de um Pet Dating... literalmente!!!! Aaargh!!
Mas depois percebi que era algo mais... aceitável e fiquei mais tranquila. Mas não pude deixar de imaginar algumas situações constrangedoras e a temer! Senão vejamos...

 - Se o meu Cão não gosta do Teu, a nossa Relação tem Futuro?
Ora, aqui pode existir à partida um grande entrave. Imaginem que os donos até sentem que a relação deles tem futuro, mas os respectivos cães odeiam-se e são incompatíveis... O que fazer?!

 - Os nossos Gatos tornaram-se inseparáveis mas eu não te suporto!
É preciso pensar até onde está disposto/a a ir pelo seu animal de estimação para que não se torne em animal de "odiação"! Quer deixando-o partir como quem vê partir um filho quando casa ou impedindo a relação do seu bichano e optar por contratar um bom Psicólogo para o acompanhar na separação inevitável...

 - O teu Hamster quer o divórcio, mas eu quero continuar contigo!
Bom, este problema é sério. Porque das duas uma: ou o seu hamster se torna independente e volta para a rodinha dele com a sua trouxa e você fica com o dono do hamster abandonado ou regressa a casa com ele, por solidariedade. Estará você disposto/a a correr esse risco?!

 - Os nossos cavalos são felizes e já têm filhotes, mas eu não quero continuar contigo!
Esta, pode ser uma situação dolorosa... Você está prestes a tornar-se "avô/avó" dos seus pets mas também está prestes a perder o seu parceiro. Com quem fica o casal de cavalos? E os filhotes??
Caso fiquem com o seu parceiro - porque a quinta dele é maior que a sua e sabe que oferece melhores condições para que os mais novos cresçam felizes e contentes - poderá você visitar o seu bichinho e os respectivos descendentes??...

Bom, eu não tenho nenhum animal de estimação a viver comigo, no meu apartamento. Mas para aderir a um destes sites era capaz de adoptar ou comprar um. Adoro cães! De paixão! Mas não tenho espaço para ter o meu cão mais que tudo a viver comigo - Labrador ou um Golden Retrievier castanho dourado. É pena... Gatos, nem pensar! Não gosto muito... demasiado independentes e para este tipo de dating dependeria muito da sua mood. Nunca iria saber se seria um bom dia ou não para sair porque estão sempre na deles... 
Passáros, fazem demasiado barulho por nada. Lamento. Prefiro-os fora de gaiolas, bem como os Hamsters. Além de que acho um pouco... estranho... ficar ali a observar um rato a correr numa roda ou a um canto a roer qq coisa, invarialvemente. 
Já tive peixes... mas acho que não seriam muito recomedáveis para um Dating. Metem muita água e podem ter má influência... Além de que morreram depressa, são pouco resistentes e ainda me iriam pedir alguma indemnização por algum ataque cardíaco, caso o peixe do meu parceiro de dating se apaixonasse à primeira-vista pelo meu!
Também acho que as tartaturgas não devem ser aconselháveis para este tipo de encontros... São demasiado lentas a andar. E imagine que você se fartava rapidamente do seu parceiro/a de encontro! Demoraria HORAS para se livrar dele/a!!

Se quiser ver para crer, experimentar e testar, deixo uma lista de alguns dos sites que encontrei:
Datemypet.com - Date Me, Date my Pet 
Petpeoplemeet.com
Leashesandlovers.com 
Catloversdating.com 
Hamsterer.com 
Equestriancupid.com 

Divirta-se e quem sabe não encontra o que procura.
Eu vou voltar para as minhas aulas... depois de ter negado sair com amigos verdadeiros e já conhecidos de há alguns anitos. ;) Nada como à moda antiga... the Old Fashion Way. With or Without Pets. ;)

Love, 
Take Care.
Birdie


No comments:

Stress and the City, no YouTube

Loading...

Countries & Cities Where I've Been.