Change to English or other language

Wednesday, October 04, 2006

Dias Assim... E Dias Assim-Assim.


dias assim... Há dias assim-assim...
Dias em que tudo se move em câmara lenta... como se pudessemos congelar o tempo, enquanto nos abstraimos da realidade e penetramos nos nossos pensamentos mais profundos... para o melhor e para o pior.

dias em que somos Tudo.
O Vento revolta-nos o cabelo e sentimos que podemos voar! A luz do Sol na face acende-nos o coração e desperta-nos para novas sensações. O frio que nos faz tremer o queixo, conduz-nos à busca de um aconchego e a saboreá-lo da melhor forma. Os cheiros dos sitios por onde vamos passando, mais ou menos agradáveis, são o perfume do momento, e remetem-nos para mil e uma paragens...

São dias em que olhamos para as coisas de uma maneira diferente... mais contemplativa, pura e apaixonada, de uma forma mais serena... como se quisessemos guardar na nossa memória aquele momento, aquela imagem para sempre... Porque nos faz feliz.
Dias em que a nossa essência transborda e se eleva através dos músculos, dos ossos, da pele, e irradia o que de melhor há em nós. E assim, apetece-nos dar mais aos outros... aos colegas, aos amigos, aos familiares, e até aos estranhos que por nós passam.

Há também os dias em que nos sentimos... Nada.
Não há nadafora... porque não nos sentimos por dentro.
Assim, o Vento assobia-nos ao ouvido, mas nem sequer o escutamos. O Sol brilha e acompanha-nos no caminho, mas apenas sabemos que é dia, porque há uma luz banal, sem brilho, que nos empurra para mais um dia de rotina pura... O Frio, arrepia-nos a espinha, e faz brotar lágrimas dos olhos, encolhendo-nos ainda mais no nosso Mundo, endurecendo o coração gélido
. Os Cheiros, são indiferentes... simplesmente passamos por eles, e nem nos apercebemos o que os distingue...

São dias assim-assim. Dias em que não olhamos, não conseguimos nem queremos ver nada nem ninguém. Viajamos numa nebulina espessa impossível de se atravessar, bloqueando a entrada do Mundo à nossa volta...
E ali ficamos... Isolados... Distantes! Do bom e do mau.

Dias em que sofremos porque fomos magoados. E sangramos... Dias em que achamos que nunca mais nos entregamos a ninguém, porque o Egoísmo é sempre mais forte, e acaba por nos trespassar a Alma e derramar lágrimas de dor...

dias... Assim. E dias Assim-Assim...

3 comments:

gothica said...

Ola Linda !!!
Adorei, este n sei pk , mas axo k kk um de nos se consegue identificar aki.
Ha mm dias assim, o melhor é k tb ha dias em k um simples sorriso ou uma babuzeira de uma amigo altera isso.
Esses dias sim fazem nos mover... beijokas grandes

Ana said...

sei que tudo isso é verdade... mas nem smepre um post antigo é em vão... gostei muito deste texto e d emuitos outros neste blogue. conitnue, não pare.

Yasmin said...

Ana,

como não posso enviar-lhe nenhum email, porque não tem link no seu nome, terei de escrever aqui, na esperança de que regresse a esta página.

Quero agradecer as suas palavras bonitas e encorajadoras...
De facto, há dias Assim. E hoje, com a sua mensagem, ajudou a tornar o meu dia mais Assim, do que Assim, Assim. ;)

Um beijo!
Volte sempre, será sempre bem-vinda.
Pode ainda subscrever a mailing list e receber um email sempre que publico um novo texto.

Yasmin

Stress and the City, no YouTube

Loading...

Countries & Cities Where I've Been.